Ailton – Um exemplo de competitividade

Ailton Ballestero nasceu a 20 de Outubro de 1949 em São Paulo – Brasil. Depois de ter jogado em vários clubes no seu país (com destaque para o Vasco da Gama), chegou a Portugal no Verão de 1975 com destino ao FC Porto.

Num período de algum mal-estar entre Sporting e Porto, João Rocha contratou-o no defeso de 1977. Estreou-se oficialmente (com o treinador Paulo Emílio) a 11 de Setembro num triunfo em Coimbra por 5-1 para a 2ª jornada do Campeonato Nacional. Marcou pela 1ª vez 7 dias depois numa receção ao Braga (5-0). Foi titular e um dos jogadores mais utilizados da equipa nessa temporada (pela esquerda do meio-campo), somando 28 presenças e 3 golos. A 24 de Junho alinhou na finalíssima da Taça de Portugal que o Sporting conquistou ao Porto ao triunfar por 2-1.

Na época seguinte voltou a jogar com assiduidade, tendo marcado o último golo a 9 de Setembro de 1978 num triunfo em Alvalade por 3-0 sobre o Vitória de Guimarães para a 3ª jornada do Campeonato. Fez o derradeiro jogo na última jornada do Campeonato, a 17 de Junho de 1979 (derrota na Póvoa de Varzim por 1-0).

Totalizou 54 jogos oficiais pelo Sporting e marcou 4 golos. Ganhou uma Taça de Portugal.

Depois alinhou com sucesso no Boavista (3 anos) e terminou a carreira em 1983 no Varzim. Mais tarde regressou ao seu país e estabeleceu-se como comerciante.

Morreu a 24 de Novembro de 2009.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário