Ganhámos a 1ª edição da Taça da Liga em Futsal!

10 de Janeiro de 2016. A FPF organizou pela 1ª vez a Taça da Liga de Futsal (competição disputada entre os 8 primeiros classificados da 1ª volta do Campeonato). A prova realizou-se em Oliveira de Azeméis no Pavilhão Dr. Salvador Machado.

Nos quartos-de-final de final da competição, a 7 de Janeiro, o Sporting começou por derrotar o Burinhosa por 4-3. Talvez se esperasse mais facilidades, os leões até estiveram a vencer por 4-1 mas depois permitiram uma animosa reação ao adversário que “vendeu cara” a derrota. Os golos leoninos foram de Diogo (2), Fortino e Fábio Lima.

2 dias depois veio o jogo com das meias-finais com o Modicus (que havia eliminado o Braga nos penaltis). Aí já se esperava uma partida mais difícil mas a resposta leonina foi ainda mais afirmativa. Apesar de terem chegado ao intervalo a perder por 2-1, os sportinguistas estiveram em grande plano no 2º tempo e acabaram por triunfar por 5-2 com golos de Fortino (2), Caio Japa, Cavinato e João Matos.

A 10 de Janeiro, domingo, veio a final perante o Fundão – a equipa que eliminara o Benfica e o SL Olivais e se apresentava em grande forma – e mais de 2.000 pessoas.

O Sporting alinhou inicialmente com Marcão, Pedro Cary, Cavinato, Fábio Lima e Caio Japa. João Benedito, Djô, Fortino, Merlin e Diogo também estiveram presentes nesta excelente conquista!

O jogo foi muito competitivo e disputado. Fazendo uma partida muito rigorosa taticamente e tirando partido da mais-valia coletiva e individual, os sportinguistas (orientados por Nuno Dias) conquistaram o troféu ao vencerem por 2-0 com bis do italiano Cavinato aos 14 (rematou certeiro com o pé esquerdo depois da assistência de Fortino) e 30 minutos de jogo (emendando à “boca da baliza” um remate de Pedro Cary).

O Sporting foi superior em todos os capítulos – fez mais remates (44 contra 23), mais remates à baliza (19 contra 8), teve mais posse, volume de jogo e eficácia. No final foi muito bonito ver ambas as equipas fazerem um corredor de honra ao adversário – muito “fair-play” e desportivismo de ambas os conjuntos! Na entrega do troféu João Benedito fez questão de que Fernando Gomes (presidente da FPF) entregasse a Taça para que a erguessem aos sub-capitães Pedro Cary e João Matos.

O treinador Nuno Dias tornou-se o único a vencer todas as provas oficiais em Portugal!

vídeo

Post to Twitter

Deixe o seu comentário