Futebol – Sporting-2 Benfica-4

Hoje no Alvalade assistimos a mais uma exibição lamentável da nossa equipa. Marcel Kaiser teve um período de “lua de mel” com 7 jogos, vitórias e muitos golos – depois disso, em 11 venceu 4, apenas 2 dos quais com exibições aceitáveis (perante o Feirense para a Taça da Liga e Taça de Portugal). É verdade que conquistámos a Taça da Liga, apesar de em ambos os jogos termos sido inferiores ao adversário.

Há que fazer um reflexão profunda. Os sportinguistas estão profundamente descontentes. Francisco Geraldes (em quem é depositada tanta esperança) ainda não se estreou. Jovane (que estava a ser a grande revelação da temporada) “desapareceu”, Miguel Luís (outra promessa que começava a dar nas vistas) “desapareceu”. Kaiser, de quem se esperava ser um treinador que apostasse na formação, tem feito tudo menos isso. Queixa-se sistematicamente que a equipa está mal fisicamente, mas continua a deixar gente talentosa sistematicamente de fora.

Hoje perante o Benfica foi um descalabro tremendo. A equipa, jogando em casa, foi claramente inferior e poderia ter perdido por uma margem maior. Os golos de Bruno Fernandes (perto do intervalo) e de Bas Dost (perto do fim) apenas amenizaram uma prestação ridícula. O Sporting não é isto!…

A equipa: Renan (6); Bruno Gaspar (4), Coates (5), André Pinto (4) e Jefferson (5); Gudelj (3), Wendel (5) e Bruno Fernandes (7); Raphinha (4) – Jovane (1) 85, Bas Dost (5) – Luiz Phillype (1) 90 e Nani (5) – Diaby (6) 46.

Melhor sportinguista em campo – Bruno Fernandes.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário