Futsal – Sporting-6 Benfica-2 – Conquistámos a 9ª Supertaça, de goleada!

30 de Setembro de 2019. No Palácio dos Desportos de Torres Novas, a equipa de Futsal do Sporting CP conquistou a Supertaça (pela 9ª vez) ao bater o Benfica por um surpreendente 6-2 (em virtude do equilíbrio habitual entre estas duas equipas, duas das melhores do mundo).

Os leões foram muito superiores ao rival e conquistaram o primeiro troféu oficial da temporada.

A nossa equipa: Guitta (gr); João Matos, Taynan da Silva, Alex Merlim e Cardinal. Gonçalo Portugal (gr), Erick Mendonça, Pauleta, Deo, Pany Varela, Alex e Rocha.

O início do encontro (que teve a particularidade de ter Paulo Luís no banco do Sporting – e não o habitual Nuno Dias – castigado) foi muito forte por parte da nossa equipa. Logo aos 2 minutos, Alex Merlim serviu Taynan e o reforço verde e branco apareceu para o desvio e para a primeira explosão de alegria no pavilhão. Pouco depois, Guitta lançou a bola para o ataque e Rocha fez o 2-0.

A partir do 2º golo a nossa equipa continuou a dominar mas o ritmo de jogo baixou. Guitta ia defendendo de forma notável as nossas redes e no ataque continuávamos a assustar o adversário. A fechar o primeiro tempo, Rocha esteve muito perto de concretizar um golo fantástico, mas o remate saiu ao lado. Ao intervalo, vantagem de dois golos para o Sporting CP.

Tal como no primeiro tempo, a equipa de Alvalade entrou em força nos segundos 20 minutos. Um autogolo de Chaguinha após canto batido por Alex Merlim fez o 3-0, com o ítalo-brasileiro a fazer magia mais uma vez aos 25 minutos ao avançar pela esquerda e servir Rocha, que nem precisou de olhar para a baliza para bisar no desafio.

Com 4-0, o Benfica tentou reagir, mas foi o Sporting CP a voltar a marcar pouco depois. Cardinal e Pauleta até se atrapalharam, mas o pivô conseguiu roubar a bola a André Sousa, guardião das águias (que ainda há poucas semanas defendia as nossas cores), e rematar para a baliza deserta.

O 5-0 com 13 minutos para o final, fez o SL Benfica começar a jogar com guarda-redes avançado. Com essa estratégia, a equipa encarnada reduziu por Fits a 3 minutos da buzina final.

Contudo, no minuto seguinte, João Matos marcou quando o Sporting CP defendia o 5 para 4 adversário, aproveitando a ausência do guarda-redes da baliza do SL Benfica, que ainda viria a reduzir mais uma vez nos últimos instantes por intermédio de Fernandinho, fechando assim o resultado em 6-2.

Terminado o dérbi, o Sporting CP festejou com os Sportinguistas em Torres Novas e conquistou a Supertaça, dando assim início a 2019/2020 da melhor forma.

vídeo

Post to Twitter

Deixe o seu comentário