Vitória difícil perante modestos noruegueses

24 de Outubro de 2019. 3ª jornada da Liga Europa. Com a época praticamente perdida em todas as outras frentes, o Sporting tinha nas competições europeias a oportunidade de conseguir algo esta temporada, embora se soubesse o quão difícil seria esse percurso, ainda mais com a falta de qualidade patenteada jogo após jogo pela nossa equipa.

Perante estes modestos dinamarqueses, Silas apresentou a seguinte equipa: Renan; Rosier, Coates, Mathieu e Acuña; Doumbia, Wendel (Eduardo 88) e Bruno Fernandes; Bolasie, Luiz Phellype (Pedro Mendes 64) e Vietto (Borja 85)

O Sporting não entrou bem no jogo, mas, mais ou menos dos 15 minutos até ao intervalo conseguiu “encostar” por vezes o adversário “às cordas”, criando algumas situações para marcar – numa delas o árbitro não viu um claríssimo braço na bola na área de um defesa dinamarquês após cabeceamento de Luiz Phellype. Uma bola na barra após a conversão de um livre por Bruno Fernandes também se destacou.

Na 2ª parte os leões estiveram a um nível bastante baixo, acabando por conseguir um golo esquisito – Vietto rematou, a bola bateu num adversário, subiu muito e depois Bolasie conseguiu cabeceá-la, tabelou num defesa e enganou o guarda-redes. A nossa equipa não conseguiu escapar a alguns calafrios até final numa partida muito, muito sofrível…

Ainda assim conseguimos o principal, ganhar, e ficámos relativamente bem colocados para seguir em frente nesta competição.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário