Futebol – Rosenborg-0 Sporting-2

7 de Novembro de 2019. 331º jogo do Sporting nas competições europeias de futebol. Na Noruega os leões, vencendo, ficariam numa boa situação para seguirem em frente na Fase de Grupos da Liga Europa.

Silas voltou a mudar a tática. A equipa: Renan (8); Tiago Ilori (6), Coates (7) e Neto (6); Doumbia (5) – Rodrigo Fernandes (1) 87; Rosier (6), Eduardo (6) e Borja (5); Bruno Fernandes (7) – Pedro Mendes (1) 90; Bolasie (6) – Rafael Camacho (2) 74 e Vietto (6).

Melhor sportinguista em campo – Renan.

O Sporting apresentou-se no Lerkendal bem informado acerca do adversário.. Depois das dificuldades sentidas no Alvalade, Silas optou por colocar 3 centrais à frente de Renan e dois laterais, Rosier e Borja, mais adiantados, que facilitavam as transições ofensivas quando os leões recuperavam a bola.

Ao contrário do primeiro jogo, os leões tinham várias alternativas para sair a jogar, com Eduardo e Doumbia no meio-campo e ainda Bruno Fernandes solto no apoio ao ataque constituído por dois jogadores muito móveis.

O Sporting fez uma boa 1ª parte, trocando bem a bola e progredindo no terreno perante um adversário que procurava repetir a mesma pressão que conseguiu fazer em Lisboa. O Sporting mostrava-se confortável a defender e chegou cedo à vantagem, aos 16 minutos, na sequência dum pontapé de canto da esquerda de Bruno Fernandes. Neto recuperou do lado contrário e voltou a cruzar para a área para a cabeçada certeira de Coates.

A vencer ficou tudo ainda mais fácil. O Sporting tinha muita gente na recuperação da bola e aos 37 minutos fez o 2-0 – Recuperação de Doumbia no meio-campo dos noruegueses, Bruno Fernandes destacou-se na área, tirou Hovland da frente com o pé direito e rematou com o esquerdo. A bola ainda sofreu um desvio em Asen, ganhou efeito e traiu Hansen.

A 2ª parte foi muito diferente, para pior. O Sporting continuava a mostrar bastante segurança a defender, mas já sentia muito mais dificuldades para sair a jogar. O Rosenborg entrou mais pressionante, sobretudo no flanco direito, tirando proveito do espaço entre Ilori e Borja para forçar uma brecha, com o lateral Hendestad a explorar muito bem esta lacuna para cruzar muitas bolas para a área. Os leões limitavam-se agora a tentar afastar a bola da sua área, num jogo que era cada vez mais de sentido único. Até ao final os leões passaram por vários calafrios, com destaque para um remate de Ludemo que Renan desviou para o poste.

Numa das poucas oportunidades que o Sporting teve na 2ª parte, Bruno Fernandes podia ter marcado, mas a bola foi à cara do guarda-redes do Rosenborg. O final chegou com um triunfo importante – o Sporting somou o 3º triunfo consecutivo nesta fase de grupos e destacou-se no primeiro lugar do grupo, ficando com a qualificação à vista. A equipa de Silas soma 9 pontos, mais dois do que o PSV e do que o Lask Linz e pode decidir tudo na próxima jornada quando receber os holandeses em Alvalade.

Esta foi a vitória nº 139 do Sporting nas competições europeias (74 empates, 120 derrotas), onde tem agora 520 golos marcados e 323 sofridos. Entretanto Bruno Fernandes já é (a par de Yazalde) o 7º melhor marcador de sempre do Sporting na Europa (10 golos). Coates marcou pela 1ª vez.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário