Basquetebol – Sporting-87 FC Porto-78 – Ganhámos a Taça de Portugal!

8 de Outubro de 2020. O Sporting conquistou, esta quinta-feira, a edição 2019/2020 da Taça de Portugal em Basquetebol (pela 6ª vez, sendo que a última tinha acontecido em 1980!), após a vitória por 87-78 sobre o FC Porto, na final realizada no Pavilhão Multiusos de Odivelas.

Foi o 1º título dos leões desde a reativação do Basquetebol, que aconteceu precisamente na época que agora termina.

Os leões, cujo 5 inicial foi: Shakir Smith, James Ellisor (capitão), Travante Williams, João Fernandes e John Fields, entraram a marcar, mas foi o FC Porto a assumir a vantagem no marcador desde os instantes iniciais, chegando ao final do 1º período a vencer por 27-24.

A equipa orientada por Moncho López manteve sempre a dianteira no 2º período apesar de ter perdido o parcial (17-18). Os dragões chegaram ao intervalo a vencer, mas já com aproximação leonina (com John Fields em destaque) no marcador (44-42).

Na entrada para os últimos 20 minutos, os comandados de Luís Magalhães conseguiram finalmente igualar as contas a 44 pontos. Após alguma alternância no marcador, um parcial de 8-0 valeu a reviravolta definitiva dos verde e brancos (de 51-50 para 51-58). O  3º período (onde James Ellisor esteve muito inspirado) teve um parcial de 9-18 e chegou com 60-53 no marcador a favor do Sporting.

Essa vantagem nunca mais nos fugiu. No último período, com James Ellisor e Francisco Amiel em grande, os leões chegaram a estar a vencer por 12 pontos de diferença (76-64), aos 36 minutos de jogo. O parcial final voltou a ser favorável ao Sporting, 27-25, que confirmou o título.

Com 24 pontos, James Ellisor foi o melhor marcador do desafio, sendo que John Fields (18 pontos e 13 ressaltos) foi eleito MVP.

A equipa: Travante Williams (11), Francisco Amiel (10), John Fields (18), Shakir Smith (1), Jeremias Manjate, Diogo Ventura (6), João Fernandes (8), Cláudio Fonseca, Diogo Araújo (2), Pedro Catarino (2), Jalen Henry (5) e James Ellisor (24).

O Sporting sucedeu precisamente ao FC Porto, que conquistara o troféu em 2019, ante a UD Oliveirense.

Luís Magalhães, o treinador sportinguista, considerou no final que “o Sporting foi um justo vencedor”, destacando “a exibição em crescendo” da sua equipa. “Fizemos uma grande 2ª parte em termos táticos, parando o FC Porto. Os jogadores estiveram brilhantes e mereceram a vitória, são excelentes profissionais (…) A FPB e os responsáveis pelo pavilhão de Odivelas fizeram uma grande organização da Taça. Agradeço ao presidente do Sporting, o Dr. Frederico Varandas, por ontem e hoje ter disponibilizado tempo para estar connosco no hotel e dar-nos a força toda”, sublinhou.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário