Futebol – Sacavenense-1 Sporting-7

O Sporting entrou este ano na Taça de Portugal jogando no Jamor, casa emprestada do Sacavenense. Rúben Amorim promoveu algumas alterações na equipa, mostrando, no entanto, intenção de não facilitar pondo-se a cobro de alguma eventual surpresa.

A equipa entrou bem, marcou cedo (com Nuno Santos em destaque a finalizar e a assistir), e os golos foram surgindo naturalmente, com destaque para o bis de Coates e Pedro Marques (sobretudo deste, que após substituir Sporar mostrou uma vontade enorme de mostrar serviço, esteve em 3 chances de golo e aproveitou duas à ponta-de lança).

No final, triunfo claro por 7-1 da nossa equipa, que prossegue assim um caminho muito interessante neste início de temporada.

Os golos foram de Nuno Santos (grande passe de Jovane), Coates (assistência perfeita de Nuno Santos), Jovane (de penalty, a punir falta sobre Sporar), Coates (mais uma assistência de Nuno Santos), Pedro Marques (a cruzamento de Matheus Nunes), Pedro Marques e Gonçalo Inácio (que também se estreou a marcar, após livre de Tabata).

A equipa: Max (6); Neto (5), Coates (7) e Inácio (7); Borja (6); Matheus Nunes, (6) João Mário (6) e Antunes (5) – Daniel Bragança (7) 46; Jovane (6) – Tabata (5) 59, Sporar (5) – Pedro Marques (7) 72 e Nuno Santos (8) – João Palhinha (3) 73.

Melhor sportinguista em campo – Nuno Santos.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário