Futebol – FC Famalicão-2 Sporting-2

O Sporting deslocou-se este fim de tarde a Famalicão com o firme intuito de manter a distância para os seus perseguidores. A nossa equipa apresentou-se muito bem desde o 1º minuto, dominando claramente a partida, criando diversas jogadas de perigo, mas também desperdiçando muito, inclusive um penalty (Nuno Santos).

Ainda assim marcámos primeiro num belíssimo lance individual de Pote. Os locais chegaram ao empate após uma saída em falso de Adán mas o Sporting ainda saiu para o intervalo em vantagem após um livre magnificamente executado por Pedro Porro.

No 2º tempo o Sporting manteve-se sempre por cima, desperdiçando várias chances de aumentar a contagem. A cerca de 10 minutos do fim Pote foi expulso e a equipa aí sentiu algumas dificuldades, embora, continuasse a ser perigosa.

No final, de livre, o Famalicão empatou, mas logo após a reposição de bola, Coates marcou aquele que seria o golo da vitória beneficiando dum falhanço do guardião local. Após uma festa compreensivelmente “louca” de toda a equipa, Artur Soares Dias (o VAR) descortinou algo que Luís Godinho (o árbitro, tendencioso desde o início – o que foi claríssimo no critério dos amarelos) anulou o golo, fazendo assim a nossa equipa perder 2 pontos preciosos…

Em suma, após uma excelente exibição no qual poderia ter goleado, o Sporting sai com um empate tremendamente injusto de Famalicão, mas liderança continua a ser nossa! Há que cerrar fileiras, evitar cometer erros infantis como, por exemplo, o que ditou a expulsão de Pote (acreditamos que não foi pela falta mas sim pela reação a ela…) e continuar no mesmo caminho, pois esta equipa começa a surpreender toda a gente. Poucos esperavam num conjunto tão jovem tanta qualidade de jogo.

A equipa: Adán (4); Neto (5), Coates (8) e Feddal (6); Pedro Porro (7), Palhinha (7), João Mário (6) – Borja (2) 82 e Antunes (5) – Matheus Nunes (2) 81; Pote (6), Sporar (4) – Tiago Tomás (4) 63 e Nuno Santos (7) – Tabata (4) 71.

Melhor sportinguista em campo – Coates.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário