Futebol – Sporting-2 Sp. Braga-0

Jogo de grande cartaz este fim de tarde no Alvalade com a receção do Sporting aquele que será provavelmente o melhor Sporting de Braga de sempre.

Esperava-se uma partida bem complicada o que se confirmou totalmente. O Sporting entrou bem, controlando as operações e criando alguns lances de frisson com Nuno Santos como protagonista. Aos poucos o Braga foi crescendo e conseguiu criar antes do intervalo 2 boas situações para marcar, com Adán e o poste e evitarem males maiores.

Logo no início da 2ª parte Paulinho marcou de cabeça, mas o lance foi bem invalidado pelo VAR por fora-de-jogo.

Aos 54 minutos o Sporting marcou, após uma abertura larga para a área, toque magistral de Nuno Santos para trás e Pote a finalizar com categoria – era o 1-0!

Pouco depois entraram Tabata e Sporar para os lugares de Nuno Santos (quanto a nós saiu cedo de mais porque estava a realizar um belo jogo) e Tiago Tomás.

Aos 63 minutos Esgaio na direita (provavelmente em fora de jogo) serviu Ricardo Horta em zona frontal para defesa fantástica de Adán. Aos 71 entrou Matheus Nunes em jogo para o lugar de Pote.

Aos 78 minutos arrancada absolutamente espetacular de Sporar pela esquerda, Matheus ainda defendeu mas Matheus Nunes, com classe, atirou na recarga para o fundo da baliza (fazendo o seu 1º golo oficial) – 2-0 no Alvalade!

Até final o Braga ainda ameaçou num lance (intervenção fantástica de Coates), mas a partida terminou mesmo com uma saborosíssima vitória por 2-0 que possibilitou assim ao Sporting começar o ano e este exigente mês de Janeiro da melhor forma.

É verdade que a oposição foi enorme, mas o Sporting soube ser eficaz e fez por merecer um triunfo muito importante. A equipa foi extremamente solidária e compacta!

De destacar que, individualmente, toda a gente esteve em bom nível. Podemos destacar Adán (seguríssimo mais uma vez e a fazer defesas decisivas), Porro (um “monstro” na ala direita), Coates, João Mário (finalmente a regressar ao seu nível), Pote (marcou com grande classe) e Nuno Santos (um agitador que marca a diferença). Sporar entrou muito bem, assim como Matheus Nunes.

Para terminar, de destacar ainda 3 lances duvidosos na área do Braga, num deles Tiago Tomás pareceu-nos vítima de falta, assim como noutro Feddal também foi empurrado pelas costas… No entanto, tudo passou despercebido ao VAR…

Adán (8); Neto (6), Coates (8) e Feddal (7); Porro (9), Palhinha (7), João Mário (7) e Nuno Mendes (7); Pote (7) – Matheus Nunes (6) 71, Tiago Tomás (6) – Sporar (6) 58 e Nuno Santos (7) – Tabata (4) 58.

Melhor sportinguista em campo – Pedro Porro.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário