Futebol – Estoril-0 Sporting-1

6ª jornada do Campeonato Nacional. Havia alguma expectativa em saber como o Sporting reagiria após a “pancada” sofrida a meio da semana do Ajax para a Liga dos Campeões.

Perante o até então 2º classificado da Liga, o Sporting realizou no Estoril uma exibição segura e autoritária, apenas com um único momento de verdadeiro susto (aos 15 minutos, com dupla defesa de Adán) e várias oportunidades de golo desperdiçadas, que poderiam ter composto um resultado mais tranquilo.

Na 1ª parte Paulinho (sempre empreendedor) esteve por duas vezes perto do golo, Nuno Santos por outra, mas tudo foi desperdiçado. No 2º tempo os leões entraram ainda mais afirmativos, Paulinho teve um remate fantástico no poste, mas o golo acabou por surgir aos 67 minutos numa abertura de Sarabia (1ª vez titular) para Paulinho, que “beneficiou” duma má abordagem de Dani Figueira, que não só falhou o pontapé na bola como abalroou o avançado leonino. Na conversão do respetivo penalty, Pedro Porro fê-lo com grande competência marcando o golo solitário do encontro.

Até final o Sporting controlou bem a situação, saindo com os importantes 3 pontos.

A equipa: Adán (7); Neto (7), Coates (7) e Matheus Reis (7); Porro (7), Palhinha (8), Matheus Nunes (7) e Vinagre (6) – Jovane (3) 62; Sarabia (6) – Tiago Tomás (1) 82, Paulinho (8) e Nuno Santos (6) – Esgaio (1) 88.

Melhor sportinguista em campo – João Palhinha.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário