1931 – Título Regional de Futebol reconquistado

15 de Março de 1931. Foi, de facto, uma luta muito apertada com o Belenenses a que se verificou para a decisão do Campeonato Regional. À entrada para a última jornada o Sporting tinha 1 ponto de avanço dos azuis pelo que era imperiosa a vitória na receção ao Carcavelinhos. A partida disputou-se no Campo Grande.

Os leões, sob o comando de Joaquim Filipe dos Santos, alinharam com: Cipriano; Martinho (cap) e Jorge Vieira; Varela, Fernando Ferreira e Matias; Mourão, Abrantes Mendes, Rogério, Abelhinha e Eduardo Mourinha.

Era imperioso vencer, e o Sporting acabou por ter um jogo tranquilo. À meia-hora já havia 3-0, com 2 magníficos pontapés de Mourinha e um tiro certeiro de Rogério. Neste 1º período de jogo o domínio pertenceu por inteiro aos leões, que se tivessem jogado de forma mais serena poderiam ter chegado ao intervalo com uma vantagem ainda mais dilatada.

Os alcantarenses começaram bem a 2ª parte, até com algum domínio, mas novo golo de Mourinha, aos 65 minutos, desmoralizou os visitantes que sofreriam outro tento, do mesmo jogador, quase no final da contenda, estabelecendo o resultado final em 5-0.

Matias e Mourinha foram as duas grandes figuras da equipa que 3 anos depois reconquistava o Regional Lisboeta, obtendo a sua 7ª vitória na competição, ficando apenas a uma vitória do Benfica (que, mais tarde, ultrapassaria largamente) e impedindo o tri do Belenenses.

Na foto, uma das equipas dessa temporada (da esquerda para a direita): Cipriano, Mourão, Fernando Ferreira, Rogério, O`Neil, Jorge Vieira, Mourinha, Matias, Oliveira Martins, Varela e Carlos Américo.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário