1995 – O último troféu do Voleibol leonino

16 de Abril de 1995. Apesar de todas as alterações (e foram mesmo muitas) para esta época, a equipa do Sporting acabou por conquistar uma muito saborosa Taça de Portugal (pela 3ª vez, neste que foi o seu último troféu na modalidade antes da extinção).

Depois de eliminar nas meias finais o Castelo da Maia por 3-0 (15-8, 15-13 e 15-4), os leões derrotaram no pavilhão de Almada a turma do Sporting de Espinho (sem Miguel Maia e João Brenha, ocupados com o volei de praia), recente Campeã Nacional, por 3-0 (15-6, 15-4 e 15-13).

A equipa sportinguista entrou no jogo com grande determinação e com todos os jogadores a demonstrarem a sua enorme categoria, e acabou por vencer os 2 primeiros sets com alguma facilidade. O 3º set foi equilibradíssimo, acabando os leões por levar a melhor por 15-13 em 44 minutos de árdua luta.

O treinador brasileiro Ladir Salvi foi passeado aos ombros pelos seus pupilos no final. Disse ele: “Já me sinto sportinguista, estou muito feliz e orgulhoso por ter orientado este magnífico grupo de trabalho. Falei com cada um dos atletas, nomeadamente aqueles que considero a base da equipa, visando a união de esforços, e como todos entenderam as minhas palavras, o grupo foi capaz de técnica e taticamente e com grande amor à camisola jogar desta forma brilhante e superar todos os problemas.”

Florov recebeu o troféu para melhor rematador da competição. O capitão leonino constituía um verdadeiro exemplo para os seus companheiros pela sua magnífica conduta dentro e fora dos jogos: “Foi uma honra receber este prémio, pois a minha intenção não era exibir-me a nível pessoal mas sim dar o melhor contributo à equipa, ajudando-a a conquistar a Taça”.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário