Paulo Fernandes – Um técnico vencedor

Fernando Paulo Constante Fernandes nasceu a 3 de Maio de 1965 em Lisboa. Antes de ser treinador profissional de Futsal desempenhou as funções de comercial de material elétrico. Como jogador representou o Bons Dias durante 6 anos.

Depois enveredou pela carreira de técnico, começando também nos Bons Dias – onde se manteve durante 3 anos. Seguiu-se o Sporting (nas 4 primeiras temporadas como adjunto nos juniores e nos seniores e na 5ª como adjunto dos seniores). A seguir voltou ao Bons Dias onde foi técnico principal 2 anos e meio, regressando ao Sporting no último ano do técnico Orlando Duarte (como adjunto). Esteve depois 18 meses como adjunto de Beto Aranha, a quem sucedeu no comando da equipa (em Janeiro de 2003).

Manteve-se como treinador principal do Futsal leonino até ao final da temporada 2009/10. Nessa qualidade ganhou 3 Campeonatos Nacionais, duas Taças de Portugal e 3 Supertaças, contribuindo em boa parte para a consolidação dos leões como líderes da modalidade em Portugal.

Em 2004 e 2006 ganhou o Prémio Stromp na categoria “Técnico”.

Antes do final da temporada 2009/10 foi tornado público que Paulo Fernandes sairia do clube, sendo substituído pelo regressado Orlando Duarte. Saiu campeão! Na hora da despedida afirmou: “Este título tem um sabor especial porque é o último no Sporting e se é que há despedidas positivas esta era a melhor que poderia ter. Consegui e quero dedicar este título a todos os sócios, adeptos, simpatizantes e amigos que sempre acreditaram no nosso trabalho e nos apoiaram (…) Só peço que me respeitem daqui para frente, seja qual for a opção que vier a tomar. Até sempre”.

Dias depois soube-se que iria para o Benfica (onde ficou até ao início de 2013), o que, obviamente, criou algum impacto. No entanto, na generalidade, os sportinguistas souberam respeitar um homem que muito deu ao clube e que, a determinada altura, como profissional que é, teve de tomar aquela que seria na sua ótica a melhor opção para o seu futuro profissional. Afinal, não foram 15 dias nem 15 meses que Paulo Fernandes passou em Alvalade, foram cerca de 15 anos!

Post to Twitter

Deixe o seu comentário