1998 – Andebol conquista a Taça de Portugal, 9 anos depois

7 de Junho de 1998. Nesse dia o Andebol do Sporting conquistou a Taça de Portugal. No mês anterior o histórico Manuel Brito assumira o comando da equipa principal, depois de Luís Hernani e Carlos Silva terem concluido que não tinham condições para prosseguir. Duas semanas mais tarde o Sporting voltou a vencer a Taça de Portugal, numa “final-four” disputada em Aveiro.

Na partida das 1/2 finais os leões bateram o ABC de Braga por 27-19. Com uma 1ª parte extraordinária (17-9 ao intervalo), os verde e brancos resolveram a contenda, Neste período, Paulo Faria a organizar jogo e a inspiração de Luís Gomes, Armando Pires e Ricardo Andorinho fizeram grande mossa na equipa minhota. Os sportinguistas abrandaram claramente na 2ª parte, mas fizeram uma ponta final de partida novamente na mó de cima, obtendo um triunfo estrondoso. Luís Gomes fez 9 golos e foi a grande figura da partida.

A final disputou-se no pavilhão do São Bernardo frente ao FC Porto. O Sporting fez uma exibição de grande qualidade, muito homogénea, com uma espetacular atuação do guarda-redes Carlos Ferreira e uma articulação defensiva assinalável. No ataque planeado as coisas também funcionaram bem. A equipa desenvolveu as suas jogadas com tranquilidade. Armando Pires esteve muito sagaz nos movimentos na zona restritiva dos 6 metros e Paulo Faria demolidor nas situações de 1 para 1. O poder de remate de Luís Gomes, Cveticanin e Ricardo Andorinho fez o resto, avultando as suas conclusões em contra-ataque.

A vitória por 26-20, com 13-10 ao intervalo, foi algo de natural, por parte duma equipa que praticou um Andebol de excelente qualidade em ambas as partidas desta fase decisiva da prova. A equipa: Carlos Ferreira, João Duarte, Paulo Faria (4), Ricardo Andorinho (7), João Monteiro, Rui Antunes, Rui Ferreira (2), Armando Pires (5), Luís Gomes (3) e Vladimir Cveticanin (5).

Manuel Brito foi “regado” em champanhe antes de surgir na conferência de imprensa: “Para uma equipa que enfrentou tantos problemas durante a época, esta vitória tem um sabor muito especial. Realizámos aqui duas boas exibições, justificando os triunfos. Os jogadores mostraram uma enorme motivação para ganhar”.

Carlos Ferreira fez uma exibição memorável na final: “O guarda-redes está bem quando o resto da equipa também colabora. O nosso grande espírito de união foi importante para a conquista desta Taça de Portugal. Estivemos muito bem”.

Esta foi a 8ª Taça de Portugal para o palmarés do Andebol sportinguista.

video

Post to Twitter

Deixe o seu comentário