2006 – Pela 1ª vez, o pleno no Futebol de Formação

24 de Junho de 2006. Neste dia, ao conquistar o Campeonato Nacional de Juniores, o Sporting conseguiu pela 1ª vez o pleno do Futebol de formação ao triunfar nos Campeonatos dos 3 escalões – juniores, juvenis e iniciados. Mas vamos por partes:

Os leões conquistaram o título nacional de Iniciados com uma vitória por 6-0, em Odivelas, frente ao Benfica, a 15 de Junho. Os leões, de Luís Gonçalves, necessitavam da vitória para alcançar o título e assim o fizeram com uma exibição extraordinária. O treinador afirmou: “Os jogadores foram felizes e competentes, são jovens de apenas 15 anos que souberam lidar com a situação”. A equipa: Rúben Luís; Tiago Bastos, Filipe Paiva, Nuno Reis e Mário Rui; Luís Almeida, Luís Carlos (Tiago Fernandes) e Cédric Soares (cap); Renato Santos (Sérgio Simões), Diogo Ribeiro e Bruno Silva. Luís Carlos fez 2 golos, sendo os restantes de Bruno Silva, Diogo Ribeiro, Sérgio Simões e Cédric Soares.

No mesmo dia, em Vila Nova de Gaia, os Juvenis, pupilos de João Couto, conquistaram o tri-campeonato nacional ao empatarem com o FC Porto a uma bola. Os locais já não tinham hipóteses de chegar ao título (a luta era com o Benfica) mas não queriam deixar os leões fazer a festa na sua própria casa. Por isso deram tudo por tudo e até marcaram primeiro. Necessitando pelo menos dum empate para fazer a festa, os leõezinhos marcaram por Flávio Pina aos 65 minutos num “tiro” indefensável. João Couto afirmou no final: “Fomos a melhor equipa do campeonato, o tri assenta-nos bem”. A equipa: André Martins; Rui Figueiredo, Tiago Pedrosa, Jorge Abreu e Flávio Pina (Bruno Simões); Diogo Amado, Adrien Silva e André Santos (Rui Lopes); André Cacito (Helmut Calvete), Bruno Matias e Vivaldo Arrais.

A 24 de Junho o Sporting fez o pleno com a conquista do Nacional de Juniores. O jogo decisivo realizou-se na Academia entre Sporting e Boavista, os 2 pretendentes ao “trono”. Aos leões bastava o empate, mas uma equipa consistente servida por elementos que faziam do coletivo a sua principal arma triunfou por 2-0 com golos de David Caiado e Diogo Tavares aos 20 e 60 minutos. O Sporting entrou na partida com o intuito de a resolver o mais depressa possível, e acabou por natural a sua vitória. A equipa: Rui Patrício; André Nogueira, Daniel Carriço, Paulo Renato e André Marques; Zezinando (cap); Pedro Celestino e João Martins (João Gonçalves); David Caiado, Diogo Tavares (Tomané) e Bruno Pereirinha (Tiago Pinto). No final o técnico Luís Martins afirmou: “Os frutos do nosso trabalho quotidiano estão a aparecer. Temos aqui jogadores de grande qualidade, atletas de grande potencial”.

Na foto os treinadores responsáveis pelo feito do Futebol jovem do Sporting: Luís Martins, João Couto e Luís Gonçalves.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário