1928 – Domínio acentuado no Atletismo

1 de Julho de 1928. Os Campeonatos Nacionais foram disputados neste dia e na véspera no Porto, tendo os sportinguistas vencido 5 das 13 provas disputadas. Destaque para o recorde nacional de José Palhares Costa (foto) nos 110 metros barreiras (16,8s), numa formação onde sobressaía a força dum coletivo homogéneo, com uma mística muito própria. José Garnel foi outro dos atletas em grande destaque ao triunfar nos lançamentos do disco (37m64cm) e do peso (12m24cm). Os outros triunfos foram de Pascoal de Almeida nos 100 metros (10,8s) e Pedro Beirão no salto à vara (3m20cm).

A equipa leonina ficou em 1º lugar por equipas, com 37 pontos, numa classificação oficiosa, e, por isso, não contabilizada como título nacional coletivo (esses só começaram em 1941).

Pouco tempo antes, nos Regionais, os leões venceram 7 dos 14 despiques, estando em grande destaque José Garnel, que triunfou em duas disciplinas de lançamento (dardo e peso).

Ainda nesta temporada, Manuel Dias foi Campeão Nacional de Crosse pela 1ª vez (juntando esse triunfo ao título regional), tornando-se, a par do já referido José Garnel, a principal figura da equipa nesta temporada. Nesta disciplina os leões triunfaram também coletivamente, tanto em Lisboa como no país.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário