1978 – Tetra-Campeões Nacionais de Hóquei em Patins

5 de Agosto de 1978. Nesse dia o Sporting fechou um ciclo de ouro do seu Hóquei em Patins ao conquistar o 4º título nacional consecutivo. Aquele que constituiu na prática o jogo decisivo realizou-se frente ao FC Porto, e na senda daquilo que se passou nas outras modalidades nas quais o Sporting brilhou nesta temporada fantástica, os leões sofreram a bom sofrer para poderem festejar no final.

A 5 minutos do termo do encontro que tudo decidiria, os leões perdiam por 4-2, mas nesse período final transcenderam-se e acabaram por ganhar por 5-4. Então assistiu-se a uma verdadeira loucura dos adeptos e jogadores sportinguistas festejando um triunfo que ficou para a História.

Refira-se que, neste encontro, Picas e Fernando Pereira foram as grandes figuras da equipa sportinguista, que mercê da sua união e espírito de sacrifício conseguiu levar “a água ao seu moinho”.

Na derradeira jornada do Campeonato, no dia seguinte, o Sporting precisava de bater no Pavilhão de Alvalade o Carvalhos para se sagrar campeão, mas depois da vitória fundamental do dia anterior não se esperavam grandes dificuldades. Assim foi, e com um esclarecedor 8-1, intensificou-se o “Carnaval” que já vinha da véspera, e o delírio dos sportinguistas fez-se sentir intensamente na invasão do rinque para vitoriar os jogadores.

A equipa presente neste último jogo foi: Albino; Fernando Pereira (1), Sobrinho, Picas (4), Jorge, Carlos Alberto e Chana (3). Para ajudar à festa, Chana reapareceu na equipa após 4 meses de afastamento. Aliás, a ausência do seu melhor jogador em quase toda a época terá sido um dos principais fatores a contribuir para a dificuldade com que o Sporting chegou ao título.

No final, Torcato Ferreira (o melhor treinador português de sempre), afirmou que abandonaria o Sporting e a Seleção Nacional por saturação e por um ambiente que se tinha criado à sua volta que não lhe agradava… Ficou por saber-se os verdadeiros motivos… O Sporting completou o Campeonato Nacional com 36 pontos, mais 3 que FC Porto e Oeiras. Foi o 5º título nacional para os leões.

Post to Twitter

Comments (1)

 

  1. Henrique Salgado says:

    Na derradeira jornada do Campeonato, no dia seguinte, o Sporting precisava de bater na nave de Alvalade

    (1978) Na Nave, não terá sido… talvez no Pavilhão velho, não?

Deixe o seu comentário