Radisic – Especialista na preparação física

Srecko Radisic nasceu a 26 de Julho de 1931 na ex-Jugoslávia. Chegou ao Sporting no Verão de 1979 para preparador físico do futebol, numa equipa comandada por Rodrigues Dias. Quando Fernando Mendes assumiu o comando técnico a 25 de Novembro de 1979, Radisic passou de ser apenas o preparador físico da equipa para número 2 do novo treinador. Os leões chegaram ao título e uma quota-parte desse sucesso foi atribuída ao jugoslavo, pois a equipa sportinguista apresentou índices físicos fantásticos.

Na temporada seguinte as coisas começaram a correr muito mal desde o início, e numa altura em que os sportinguistas andavam pelo 4º lugar do Campeonato, João Rocha apostou em Radisic para treinador principal no que restava da temporada. Valha a verdade que as melhorias não foram muitas, mas, ainda assim, os leões garantiram o 3º lugar final.

No seu curto período como treinador principal do Sporting, entre 21 de Dezembro de 1980 e 31 de Maio de 1981, Radisic foi vítima duma equipa destroçada, mas que, curiosamente, era a detentora do título nacional e voltaria a conquistá-lo no ano que se seguiu. Do seu “reinado” avulta a estreia de Carlos Xavier, que, aliás, Radisic promoveu logo aquando do seu 1º jogo como técnico principal (e o estreante até marcou num 5-0 ao Amora).

Após a contratação de Malcolm Allison para treinador, Radisic manteve-se nos quadros técnicos do clube contribuindo para os sucessos no Campeonato, Taça de Portugal e Supertaça.

Em 1983 foi para o Kuwait, onde exerceu a sua especialidade no Al-Quadsia, regressando a Portugal para treinador do Imortal de Albufeira em 1986. Em 1987/88 e 1988/89 voltou a estar no Sporting, fazendo parte das equipas técnicas lideradas por Keith Burkinshaw e Pedro Rocha.

Ganhou o Prémio Stromp na categoria “Técnico” em 1980. Foi treinador de Futebol cerca de 40 anos, tendo passado pela Jugoslávia, Espanha, Portugal e Kuwait.

RADISIC como treinador do SPORTING
ÉPOCA J V E D GM GS %
1980/81 18 9 4 5 28 18 61,1

Post to Twitter

Deixe o seu comentário