1945 – Campeões Nacionais de Atletismo em ambos os sexos (pela 1ª vez nas senhoras)

29 de Julho de 1945. Foi grandiosa a prestação dos atletas do Sporting (neste dia) nos Campeonatos Nacionais de Atletismo (presenciados por muito público), tanto na vertente masculina como na feminina.

Os homens alcançaram o seu 3º título nacional, acumulando 10 títulos individuais. Ainda assim o triunfo foi por escassa margem sobre o Benfica. Em grande destaque o recorde nacional do salto em comprimento alcançado por Álvaro Dias, que saltou 7m09cm. Manuel Núncio dominou nas provas mais rápidas, Francisco Bastos no meio fundo e Manuel da Silva juntou ao lançamento do disco, o título no martelo. Os triunfos individuais:

100m – Manuel Núncio – 10,9s

4X100m – Álvaro Dias, Artur Dias, Francisco Bastos e Vicente – 3m36s

200m – Manuel Núncio – 22,8s

400m – Artur Dias – 51,7s

800m – Francisco Bastos – 2m02,9s

1.500m – Francisco Bastos – 4m13s

Comprimento – Álvaro Dias – 7m09cm (recorde nacional)

Disco – Manuel da Silva – 39m82cm

Martelo – Manuel da Silva – 40m73,5cm

Peso – Emídio Ruivo – 12m46cm

As senhoras também viveram uma época de glória. É verdade que a ausência das atletas do Belenenses tirou algum interesse às provas, mas não faltaram lutas animadas. As leoas somaram 107 pontos (alcançando o 1º título nacional desde que havia classificação coletiva feminina) contra 38 do Almadense, em 2º lugar. Só na prova de lançamento de peso as jovens verde e brancas não triunfaram. Hedi de Sá foi o grande destaque da equipa com 4 títulos nacionais, seguindo-se a ainda pujante Olga Ribeiro com 3. Os triunfos individuais:

60m – Hedi de Sá – 8,5s

3X60m – Olga Ribeiro, Deolinda Meson e Hedi de Sá – 24,9s

80m barreiras – Olga Ribeiro – 15.6s

150m – Hedi de Sá – 21s

Altura – Hedi de Sá – 1m30cm

Comprimento – Olga Ribeiro – 4m49cm

Na foto: Olga Ribeiro, Hedi de Sá e Deolinda Mason, as 3 artífices do 1º título nacional coletivo da História do Atletismo feminino do Sporting.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário