1º triunfo no Torneio do Guadiana, numa final frente ao Vitória de Setúbal

30 de Julho de 2005. Nesse dia, no Estádio do Algarve, o Sporting conquistou pela 1ª vez o Torneio Internacional do Guadiana (ao bater na final o Vitória de Setúbal por 2-0), uma competição de pré-temporada que serviu para recolher os primeiros sinais da equipa leonina para a época que se aproximava.

A equipa de José Peseiro, que tinha estado muito próximo da glória na temporada anterior (perto do título e na final da UEFA), apresentava como principais reforços Tonel, Edson, Luís Loureiro e Deivid, e tinha ganho o acesso à final da prova ao bater os ingleses do Middlesbrough por 4-0 com golos de Rochemback2, Deivid e Manoel (outro reforço, mas que nunca chegou a alinhar oficialmente).

A equipa no jogo decisivo: Nélson; Miguel Garcia, Semedo, Beto e Paíto; Luís Loureiro; Nani, João Moutinho e Rodrigo Tello; Silva e Deivid.

Jogaram ainda: Tonel, Anderson Polga, Rochemback, Varela, Manoel, Sá Pinto, Douala e André Marques.

Os leões foram superiores desde o início da contenda, criando algumas oportunidades mas pecando na finalização. O 1º golo surgiu já na 2ª parte, aos 50 minutos, quando João Moutinho bateu de forma fantástica um livre direto, sem quaisquer hipóteses para Marco Tábuas. Perto do fim, Varela fez o resulado final com um remate colocado após uma boa solicitação de Rochemback.

Desta competição ficou obviamente o triunfo, a interessante prestação do muito jovem Nani e os bons pormenores de Varela (que regressou do empréstimo ao Casa Pia). Entretanto, João Moutinho foi considerado o “jogador mais valioso” do torneio.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário