Menezes – Um defesa eficaz que também chutava forte

Paulo Roberto Menezes nasceu a 4 de Novembro de 1956 no Rio de Janeiro – Brasil. Chegou ao Sporting ainda muito jovem, no defeso de 1977, proveniente do Itabuna da Baía. Estreou-se oficialmente (com o técnico Paulo Emílio) a 25 de Setembro com uma derrota em Setúbal por 2-1. Marcou o 1º golo a 2 de Abril de 1978 num 2-3 perante o Porto em Alvalade. Nessa 1ª temporada Laranjeira e Manaca eram os esteios da defesa leonina mas Menezes entrou diversas vezes na equipa (20 presenças) e conquistou a Taça de Portugal (marcou 1 golo importante na final frente ao Porto).

No ano seguinte ganhou um lugar no centro da defesa (ao lado de Laranjeira). Coletivamente é que as coisas não correram bem pois não houve títulos para festejar. Tudo mudaria, no entanto, em 1979/80. Num Campeonato disputadíssimo com o Porto, foram os leões a comemorar no fim a conquista do seu 15º Campeonato Nacional. O brasileiro voltou a ser “pedra basilar” da equipa (de Rodrigues Dias, primeiro, e Fernando Mendes, depois) ao fazer 33 jogos e marcar 4 golos.

A sua “estrela” começou a empalidecer em 1980/81. Derivado para o meio-campo defensivo, somou apenas 11 jogos. Jogou ainda menos (apenas 3 vezes) na gloriosa temporada 1981/82 sob o comando de Malcolm Allison, mas saiu como Campeão e vencedor da Taça de Portugal (em cuja final – a 29 de Maio de 1982 – se despediu do clube com um triunfo por 4-0 frente ao Braga).

Assim, totalizou 5 temporadas no Sporting, tendo alinhado em 95 jogos oficiais e marcado 9 golos. Ganhou 2 Campeonatos Nacionais e duas Taças de Portugal. Foi um defesa forte, que marcava bem e sabia sair a jogar (pois tinha boa técnica). Para além disso rematava forte e colocado.

De Alvalade foi para Faro onde se sagrou Campeão Nacional da 2ª divisão em 1983, o mesmo acontecendo no Belenenses em 1984. Em 1985 voltou ao Farense, tendo jogado ainda no Bragança até 1989.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário