Bernardo Manuel

Nasceu a 27 de Dezembro de 1954 em Angola. Começou por praticar Atletismo no Sporting de Luanda. Inicialmente corria 400 e 800 metros mas depois passou para os 1.500 e 5.000. Em simultâneo jogava futebol como médio defensivo no Sporting Clube de Maianga.

Em 1973 veio a Lisboa fazer os Campeonatos Nacionais de Atletismo e foi convidado para ingressar no Sporting, o que aceitou de imediato após ter a confirmação de que poderia continuar a estudar.

Em 1980 esteve presente nos Jogos Olímpicos de Moscovo correndo os 5.000 metros em representação de Angola.

Em 1981 fez parte da equipa do Sporting que conquistou, em Varese – Itália – o seu 3º título europeu de Crosse. Desistiu a 800 metros da meta quando realizava uma ótima corrida – era o 3º elemento da equipa (em 12º lugar)

Foi atleta até 1984 e elemento da equipa de fundo do Sporting. Era uma espécie de “2ª linha” da equipa, conquistando vários títulos nacionais coletivos, mas individualmente com uma carreira mediana. Era um atleta muito rápido que marcava os adversários da equipa para lhes ganhar na ponta final devido à sua velocidade terminal.

Terminou a carreira de atleta quando finalizou o seu curso superior (em Educação Física no ISEF) e após 2 anos como treinador de Atletismo no Belenenses, Mário Moniz Pereira convidou-o para seu adjunto no Sporting.

Em 1985 fez um mestrado sobre treino de alto rendimento na Universidade do Porto e mais tarde o doutoramento na Faculdade de Motricidade Humana em Fisiologia do esforço como continuidade da tese de mestrado, cujo tema foi a caraterização dos atletas portugueses de meio-fundo e fundo.

Em 1993 passou a técnico principal de meio-fundo, fundo e crosse. Ganhou 2 Taças dos Campeões Europeus de Corta Mato (1993 e 1994) e foi o responsável pela orientação técnica de vários atletasd e grande nomeada como os gémeos Castro ou Rui Silva (entre outros).

Em 1995 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Técnico.

Em 2000 foi um dos responsáveis pelo memorável título europeu de pista!

Foi durante 18 anos, e em simultâneo, treinador do Sporting (chegou a Campeão Europeu) e da Federação, sendo muitos anos selecionador da equipa de corta-mato, contactando com a “nata” dos atletas nacionais da especialidade.

No final do ano de 2013 assumiu o cargo de Diretor Técnico do Atletismo leonino, que tinha ficado em aberto depois da saída do Prof. Abreu Matos. Em Setembro de 2014 regressou a Angola para desempenhar as funções de Professor Universitário.

Tem uma grande gratidão ao “Sr. Atletismo” pelo convite que o deixou muito honrado e que lhe possibilitou prosseguir a carreira num clube tão grande do qual é (tal como toda a família) adepto.

Post to Twitter

Deixe o seu comentário