Keita – Um africano de enorme talento

Salif Keita Traore nasceu a 6 de Dezembro de 1946 em Bamako – Mali. Começou muito cedo a revelar grande potencial para o futebol, e ainda ao serviço do Real Bamako (clube da terra) chegou a internacional maliano com apenas 16 anos.

Em 1967 chegou a França – Saint-Étienne, onde teve uma carreira fantástica conquistando 3 Campeonatos e duas Taças. Em 1970 foi considerado o melhor jogador africano e em 1971 foi o 2º melhor marcador do “Championat” (42 golos). Depois de 1 ano no Marselha (1972/73) foi para Espanha (Valência) onde voltou a demonstrar todo o seu virtuosismo, a ponto de o terem batizado de “La perla negra de Mali”.

Numa altura em que o número de estrangeiros por equipa era limitado, acabou por não renovar contrato (após 3 temporadas) e chegou a Alvalade fruto da sagacidade de João Rocha, no Verão de 1976.

Estreou-se oficialmente (com o treinador Jimmy Hagan) a 4 de Setembro na 1ª jornada do Campeonato (3-0 ao Benfica). Fez o 1º golo (bisou) 8 dias depois num triunfo em Guimarães por 3-1. Nessa 1ª temporada de verde e branco formou com Manuel Fernandes e Manoel um trio atacante de grande categoria, mas apesar dos leões terem chegado a estar confortavelmente no comando do Campeonato acabaram por perdê-lo para o Benfica. Somou 27 jogos e 15 golos na época de estreia (2º melhor marcador da equipa a seguir a Manuel Fernandes – 22 golos).

Para a temporada seguinte chegou Jordão, e o Sporting passou a contar com 4 atacantes de grande classe. No entanto, o novo avançado lesionou-se gravemente mais ou menos a meio da temporada, pelo que os 3 atacantes mais utilizados acabaram por ser os mesmos da época anterior. O maliano fez 29 jogos oficiais e 9 golos, ajudando a conquistar a Taça de Portugal (em cuja final – vitória frente ao Porto por 2-1 – foi o capitão da equipa em virtude da ausência de Laranjeira).

Em 1978/79 os leões partiram mais uma vez com ambição. O brasileiro Zandonaide juntou-se ao contigente atacante mas Keita continuou a jogar com regularidade. Alinhou pela última vez de verde e branco num Sporting-Benfica (0-1) a 8 de Abril  de 1979 decisivo para acabar com as pretensões dos sportinguistas em relação ao título nacional. Logo a seguir saiu para o Tea Men dos Estados Unidos depois de ter realizado 21 jogos e marcado 9 golos.

Assim, esteve um total de 3 temporadas na equipa leonina, tendo realizado 77 jogos oficiais e marcado 33 golos. Ganhou uma Taça de Portugal. Deixou a imagem dum futebolista de enorme classe, com um potencial em termos técnicos quase inigualável. Para além disso era veloz, atuando preferencialmente nos flancos, com grande capacidade de assistir e concretizar. O trio que formou com Manuel Fernandes e Jordão ficou para sempre como um dos mais “excitantes” da História do Sporting, apesar de ter sido curto em termos temporais.

Na América encerrou a carreira, regressando então ao seu país onde criou o 1º Centro de Treinos de Futebol. Em 2005 foi eleito Presidente da Federação Maliana de Futebol.

Foi 13 vezes internacional A pelo Mali (11 golos).

GOLOS de KEITA no SPORTING
ÉPOCA TT TU CN TP TOTAL
1976/77 - - 15 0 15
1977/78 0 7 2 9
1978/79 0 - 9 0 9
Total 0 0 31 2 33

Post to Twitter

Deixe o seu comentário