5-0 ao Porto com hat-trick de João Cruz

18 de Janeiro de 1942. 1ª jornada do Campeonato Nacional. Um Sporting-Porto abriu o novo Campeonato. Os leões eram Campeões de Lisboa (título conquistado pouco mais de 1 mês antes) e tinham ganho o seu 1º Campeonato Nacional da 1ª divisão (5º título nacional) na época anterior.

Jozef Szabo comandava uma equipa que estava em “estado de graça” e que recebeu os nortenhos (no Lumiar) com o seguinte onze: Dores; Rui de Araújo e Álvaro Cardoso; Paciência, Daniel e Manecas; Armando Ferreira, Pireza, Peyroteo, Canário e João Cruz.

Com uns primeiros 5 minutos demolidores os leões quase resolveram a partida. Aos 3 e aos 5 o ponta-esquerda João Cruz fez 2 golos. Aos 20, o mesmo jogador, de penalty, arrumou de vez a questão com o 3-0.

O Porto procurou reagir para não sair do Lumiar vergado a uma derrota histórica. Ainda assim os sportinguistas não facilitaram e fizeram mais 2 golos na 2ª parte – aos 50 minutos por Peyroteo e aos 80 por Armando Ferreira.

No final era grande o entusiasmo entre a equipa e os adeptos após uma vitória marcante por 5-0 sobre o rival portuense.

Foto (arquivo): João Cruz

Post to Twitter

Deixe o seu comentário