2017 – Bicampeões nacionais de Ténis de Mesa!

26 de Maio de 2017. O Sporting CP sagrou-se bicampeão em Ténis de Mesa (34º título no total), depois de derrotar no 2º jogo da final o Ponta do Pargo, novamente pelo parcial de 3-0 (o mesmo tinha acontecido já na semana anterior).

Os leões entraram da melhor maneira no jogo de pares. Diogo Chen e Bode Abiodun venceram por 11-5, 11-3 e 11-7 e descomplicaram o triunfo no ponto mais forte do adversário vindo da Calheta (Ilha da Madeira), superando a dupla de nigerianos Jide Ogidiolu e Saheed Dawn.

Depois, Aruna Quadri não deu hipóteses a Jide Ogidiolu, vencendo por 11-5, 11-8 e 11-2.

Diogo Chen prosseguiu o ritmo e ganhou a Énio Mendes, primeiro por 11-2 e depois por 11-8. Parecia tudo relativamente fácil e encaminhado, mas no último jogo Chen foi obrigado a uma reviravolta épica, recuperando de uma desvantagem de 7-1. A ‘remontada’ trouxe ainda mais sabor à vitória do último jogo por 12-10, seguida de festejos efusivos por parte da centena de adeptos que marcaram presença no Multidesportivo de Alvalade.

Os leões garantiram assim o 2º título consecutivo, conseguindo comemorar o feito em apenas 2 jogos. Depois do triunfo na Madeira, na semana passada, ficaram fechadas as contas do título.

No próximo mês disputa-se a Taça de Portugal, na qual o Sporting CP pretende vencer, de forma a revalidar a dobradinha conquistada em 2016. Recorde-se que o Clube é o emblema nacional com maior história nas principais provas portuguesas na modalidade.

Orgulho pelo cumprir de um grande objetivo. O Sporting CP era favorito, mas não deixou os créditos por mãos alheias.

Aruna Quadri foi o primeiro a explicar ao Jornal Sporting a alegria de ser bicampeão: “Já ganhei vários títulos na minha carreira. É o meu 2º pelo Sporting CP. Era um jogo importante e sabíamos da responsabilidade de ganhar. O jogo de pares, que vencemos, deu muita confiança. Não há outro sítio onde queira estar”.

João Seduvem informou-nos de que sairá do Clube no final da época, mas explicou a importância da vitória: “Foi um orgulho enorme. Vou sair para poder jogar mais. Passei 7 anos no Sporting CP, esta será sempre a minha casa. Éramos favoritos, sabíamos disso, mas fomos mais fortes do que havíamos sido na fase regular. A partir do jogo de pares, tudo ficou mais fácil”.

Chen Shi-Chao era um treinador satisfeito e endereçou os méritos pelo triunfo à Direção: “O Sporting CP é um grande clube. Temos cada vez mais pessoas a apoiar-nos e este título é todo para a Direção que nos apoia muito. Acreditaram em mim e só posso agradecer com esta conquista. É um grande feito sermos bicampeões e estamos a fazer do Ténis de Mesa uma modalidade cada vez mais mediática”.

Por fim, o responsável pela secção, Miguel Almeida, valorizou os pergaminhos que o Sporting CP tem nesta modalidade: “Queríamos que o Multidesportivo tivesse este público em todos os jogos. Este é o 34.º título e a vitória é resultado do nosso trabalho. Tudo o que planeámos correu certinho. Queremos a dobradinha com a conquista da Taça de Portugal. Entramos sempre para ganhar e, como todas as outras, esta vitória é especial por ser neste grande Clube”.

Post to Twitter

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Confirm that you are not a bot - select a man with raised hand:

Content Protected Using Blog Protector By: PcDrome.